O que fazer para aliviar a dor muscular?

Você provavelmente já sofreu com dor muscular. Ela costuma ser comum em pessoas que realizam trabalhos fisicamente desgastantes ou após a prática de exercícios físicos. Mas essas dores também podem indicar a presença de algum problema mais sério, como infecções nas articulações ou doenças, como a fibromialgia.

Conhecido no meio médico como Mialgia, a dor muscular pode surgir em diferentes intensidades e em alguns casos ela consegue ser incapacitante. Porém, existem métodos que auxiliam no alívio desse desconforto e possibilitam que o paciente siga sua rotina diária sem maiores complicações.

Quer saber como amenizar as dores musculares? Então continue lendo esse post e nunca mais sofra com esse problema.

Tratamentos Naturais

Alguns dos métodos naturais para diminuir as dores musculares são banhos com água quente já que estimula a circulação sanguínea, diminuindo o desconforto nos músculos. As massagens com óleos e vinagre também são meios de no tratar esse problema. O vinagre pode ser utilizado em massagens pois auxilia a retirar o excesso de ácido lático que se acumulou.

Além disso, alternar a aplicação de compressas frias e quentes na área dolorida também ajuda uma vez que o calor age no relaxamento muscular e o gelo funciona na diminuição da dor. O repouso e alongamentos do músculo afetado também são muito importantes para aliviar as dores musculares.

Pomadas

Em determinados casos o médico pode indicar o uso de pomadas para a dor muscular. Esses produtos têm ação anti-inflamatória e analgésico e devem ser aplicados no local afetado, realizando uma pequena massagem em movimentos circulares. Geralmente os profissionais indicam o uso das pomadas de 2 a 3 vezes por dia.

Nos quadros de dor intensa, um médico ortopedista pode recomendar medicamentos, como analgésico, relaxantes musculares ou anti-inflamatórios.

É importante lembrar que o uso de medicamentos e pomadas para dor muscular devem sempre sob prescrição médica.

Quer saber mais sobre dor muscular? Acesse as outras publicações.

Deixe um comentário