Sofre com dor na coluna? Saiba como amenizá-la

A coluna vertebral é uma das principais estruturas do esqueleto humano. Ela caracteriza-se por um conjunto de vértebras, divididas em 4 regiões chamadas de cervical, torácica, lombar e sacro-coccígea. Essa estrutura tem como principais funções proteger a medula e nervos espinhais, auxiliar na locomoção e postura, proporcionar flexibilidade e suportar o peso do corpo.

Entretanto, por ter todas essas responsabilidades atribuídas a si qualquer alteração na coluna pode causar sérios problemas, a maioria deles provocando dor intensa que pode ser incapacitante.

As causas mais comuns de dor na coluna são a lombalgia, hérnia de disco, nervo ciático e lesões musculares. Normalmente, esses problema são associadas a má postura e levantamento de peso. Por isso, é importante investir na prevenção que pode ser feita por meio de alongamentos, exercícios de fortalecimento abdominal e corrigindo a postura da coluna.

Mas se você já está sofrendo com dor na coluna saiba que é possível diminuir esse sintoma, permitindo que você volte a sua rotina diária sem esse desconforto.

Como aliviar a Dor na Coluna

Aplique compressas de água quente: As compressas quentes tem um efeito analgésico pois aumentam o fluxo sanguíneo, relaxando as estruturas musculares. É recomendado que o paciente faça a aplicação dessas compressas por no máximo 15 minutos.

Fisioterapia: Esse método é capaz de aliviar esse sintoma visto que age direto no foco da dor, além de tratar limitações causadas pelo desconforto. As massagens terapêuticas e exercícios também trazem benefícios para pacientes que sofrem com dor na coluna.

Acupuntura: Esse ramo da medicina tradicional chinesa também auxilia no alívio da dor na coluna. Isso ocorre porque ao aplicar as agulhas no corpo, há uma liberação de endorfinas, serotonina, neuropeptídeo Y entre outros fatores neuro hormonais que alteram o processamento da dor na medula espinhal e cérebro. Essa ação resulta na redução das dores corporais, porém ela é indicada somente enquanto os sintomas estejam presentes sendo realizadas uma vez por semana.

Alongamento: Além de ajudar na diminuição da dor, os alongamentos também proporcionam um aumento na amplitude dos movimentos que podem ter sido danificados pela causa da dor.

Deixe um comentário